Blog

  • nov 20 / 2018
  • 0
cultura gera futuro
Lei Rouanet, Leis de Incentivo, Projetos Culturais, Projetos Sociais

Isso muda o Brasil

A vida tem passado em frente aos nossos olhos e, na maioria das vezes, só assistimos atônitos ou de forma desconfortável vivenciamos nas ruas de nosso Brasil um país de desesperança. Além do que a mídia praticamente só fala disso, certamente por questões de interesses difusos que não cabe aqui discorrer, quando na verdade existem saídas para este caos que vivemos!

Sou advogado, mas antes de tudo sou cidadão, e estou no meio dessa loucura que esta o nosso país. Sempre fui inquieto em relação as questões sociais e passei a ter um posicionamento de empreendedor social. 

 Você também conhece esse cenário, mas é mais chocante ainda quando se toma conhecimento de alguns números sobre a Cultura no Brasil. São mais de 70% dos “Brazucas” nunca assistiram a um espetáculo de dança, embora muitos saiam para dançar. 88% dos municípios não possuem salas de cinema, teatro, museus e espaços culturais multiuso. O preço médio do livro de leitura é muito elevado quando se compara com a renda do brasileiro nas classes C/D/E. Muitos municípios brasileiros não têm biblioteca, a maioria destes se localiza no Nordeste. (Fonte: Ministério da cultura – IBGE – IPEA). Cultura é a identidade de uma nação. E sinto que nosso país é órfão. É muito triste saber que a grande maioria dos brasileiros nunca frequentaram museus ou jamais frequentaram alguma exposição de arte.

 Porém, nós da VR Projetos Culturais acreditamos que existe uma solução, com o grande poder de causar uma mudança nesse lamentoso cenário que o Brasil se encontra atualmente. Essa chave pode transformar vidas de pessoas que não tem acesso básico a cultura. Por isso, hoje decidimos vir aqui e te contar que segredo é esse e porque ele é tão poderoso.

 A CHAVE DE TRANSFORMAÇÃO

Essa poderosa chave é a tão falada Lei Rouanet de Incentivo à Cultura (Lei 8.313/91), que permite a todas as empresas tributadas no lucro real e pessoas físicas, que fazem a declaração do imposto de renda completa, direcionarem uma porcentagem de seu Imposto de Renda devido para projetos culturais.

Apesar de tantos boatos e ideias ruins sobre a Lei (99,5% fake news), a VR Projetos Culturais tem cases completamente diferentes e positivos que só foram possíveis através deste sério mecanismo do Ministério da Cultura. Nesses 9 anos de VR Projetos Culturais já foram mais de 280 municípios atendidos e 2,8 milhões de pessoas que foram beneficiadas pelos projetos culturais itinerantes. Vimos escolas públicas tendo acesso gratuito a acervos de livros novos, oficinas de mediação de leitura sendo realizadas com educadores, teatro e cinema de graça para toda a população, crianças saindo das ruas e ganhando formação no mundo da música, jovens ganhando a oportunidade de ter um futuro diferente em nossa sociedade.

cultura gera futuro

Agora que você já conhece a chave que pode mudar o futuro do nosso Brasil, está em suas mãos ou de sua empresa em fazer diferente. Seja você também um agente de transformação, colabore com o futuro do nosso Brasil!

  • dez 13 / 2017
  • 0
Imagemblog2
Leis de Incentivo, Projetos Culturais, Projetos Sociais

Você acha possível mudar o Brasil sem fazer nada por isso?

O cenário atual do Brasil é uma situação preocupante e complexa, que exige soluções rápidas e inovadoras. A deficiência nos campos de saúde, educação, cultura, escassez de mão de obra qualificada, a negligência da própria população com relação aos problemas vivenciados no dia a dia e principalmente as mazelas sociais que se tornam cada vez mais comuns hoje em dia são apenas exemplos dos problemas mais alarmante que estamos vivendo.
E por onde começar essa mudança que o Brasil precisa? Quem é o principal agente de transformação nessa história toda?
Somos nós! A mudança do Brasil está nas mãos de cada um de nós, precisamos primeiro começar com uma mudança de comportamento, abrir os olhos, e tomar posse das ferramentas que estão disponíveis e que poucas pessoas utilizam. A principal delas são as Leis de Incentivo, que possibilitam pessoas físicas a investirem 6% de seu imposto de renda em projetos sociais transformadores e Pessoas Jurídicas 4%.
Essa mudança chave que precisamos já tem acontecido por parte de diversas pessoas engajadas no apoio a projetos culturais, sociais e esportivo. Importante lembrar que todo valor incentivado retorna 100% na restituição ou é abatido do Imposto de Renda a pagar.
Neste artigo tomamos como exemplo a Lei de Incentivo ao Esporte (Lei Federal nº 11.438/2006), que utiliza o potencial do esporte como ferramenta ímpar para o desenvolvimento individual e coletivo do ser. A inserção da prática de esportes na vida de jovens em situação de vulnerabilidade social proporciona ampliar o conhecimento físico e mental, oportuniza o jovem a aspirar novos horizontes, auxilia no processo de socialização , os ensina a ter respeito às diferenças, disciplina e o principal, os ajuda a se afastar dos malefícios que hoje se encontra nas ruas, como as drogas por exemplo.

Continuem ligados no blog que semana que vem sairá a segunda parte do artigo, falando sobre a Lei de incentivo à cultura.

Artigo produzido por Renato Paixão, advogado especializado em Leis de Incentivo

  • out 17 / 2017
  • 0
Lei Rouanet - IN 2017-3-01
Lei Rouanet

Lei Rouanet – Nova Instrução Normativa de 2017

Várias mudanças ocorreram com a nova Instrução Normativa da Lei Rouanet anunciadas pelo MinC (Ministério da Cultura) em março de 2017. AQUI você pode conferir na íntegra as novas regras.
As alterações visam melhorar os diversos pontos da Lei, que eram alvo de críticas como:
• Preços dos ingressos: Antes havia um limite máximo de até R$200, e agora passa para até R$150;
• Limites de gastos por produtora/proponente;
• Alta Concentração de Projetos Culturais Financiados na região Sudeste: Agora a nova IN aumentou o teto orçamentário de projetos de proponente das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, com o propósito de fomentar mais projetos culturais nestas regiões.

Além de atacar esses pontos, mudaram as novas regras para os incentivos por parte das empresas, no que diz respeito a captação e a movimentação de recursos.
ATENÇÃO
COMO ERA: A fase de captação de recursos só poderia ocorrer após aprovação definitiva do projeto — depois de análise técnica da CNIC (Comissão Nacional de Incentivo à Cultura) e publicação no Diário Oficial da portaria que autoriza a captação de recursos ao projeto cultural.
COMO FICOU: Os projetos passam a receber recursos, já na fase de admissibilidade, mas ainda não é possível movimentar o recurso. Projeto só continua a tramitar no MinC se captar a partir de 10% do valor do projeto. O dinheiro só pode ser movimentado depois da aprovação final da CNIC (Comissão Nacional de Incentivo à Cultura) e publicação no Diário Oficial da portaria que autoriza a captação de recursos ao projeto cultural, tendo captado de pelo menos 20% do que foi autorizado.
AQUI ENTRA NOSSA ORIENTAÇÃO PARA QUE AS EMPRESAS EFETIVEM OS PATROCÍNIOS EM OUTUBRO OU NOVEMBRO PARA EVITAR PROBLEMAS DE ATRASO NAS REALIZAÇÕES DOS PROJETOS CULTURAIS, PRINCIPALMENTE AQUELES REALIZADOS EM ESCOLAS PÚBLICAS QUE DEVEM INICAR NO INÍCIO DO ANO LETIVO.
UMA VEZ QUE O VALOR PATROCINADO PODE SER AJUSTADO OU DEDUZIDO DO QUE A EMPRESA TEM A PAGAR EM DEZEMBRO.
Empresas patrocinadoras antes de efetivar os patrocínios devem cuidar as questões das vedações do art. 38, em especial sobre as contrapartidas X vantagem financeira, e também sobre o art. 57, que tratam das contrapartidas sociais, em especial na formação de plateia por parte dos projetos culturais.
A VR Projetos Culturais e Sociais Transformadores fica à disposição para esclarecimentos, seja por treinamentos presenciais ou por vídeo conferência. Para isso basta mandar um e-mail para contato@vrprojetos.com.br ou ligar 51 3737.0809

Lei Rouanet

Lei Rouanet

  • set 21 / 2017
  • 0
contêiner_Teatro-a-Bordo_-1-foto-de-Toto-Cottone-leve-menor
Sem categoria

O Teatro a bordo chegou!

Pensa em um projeto super bacana e itinerante, esse é o teatro a bordo. Um projeto que visa democratizar o acesso a peças teatrais e colher um pouco da cultura de cada cidade por onde passa para colocar dentro de sua “caixola”.

O nome Caixola vem do apelido carinhoso que a trupe deu para seu contêiner, que além de carregar objetos e seu material para a apresentação, agora carrega bens imateriais, carrega as memórias e um pouco da história de cada cidade por onde passa.

O projeto tem dez anos de estrada e já foi visto por mais de 400 mil espectadores em aproximadamente 200 cidades brasileiras. Em 2015, os criadores inovaram, decidiram gerar a eletricidade para iluminar o palco e deram vida ao primeiro teatro móvel solar do Brasil.

Com o intuito de democratizar a cultura pelo Brasil, o pessoal do teatro a bordo leva sua peça teatral “DE SOL A SOL” para todos as cidades por onde passa. Mostrando aventuras de uma trupe de artistas a bordo de seu container e propagando a diversidade cultural, sempre “colhendo” um pouquinho de histórias dos lugares por onde passam e contando essas histórias nas próximas cidades onde vão.

Além de levar a alegria e dramaturgia da peça gratuitamente para as cidades, o projeto também faz de forma lúdica um programa de responsabilidade social e sustentabilidade, que acontece através de oficinas de reciclagem e do próprio container, que busca toda a energia para a iluminação do espetáculo da energia solar.

Para mais detalhes sobre  o projeto, conheça o site oficial do projeto http://teatroabordo.com.br/

15092017143043_prj2

  • fev 20 / 2017
  • 0
Imagem2
Sem categoria

A Lei Rouanet de Incentivo à Cultura que gerou TRANSFORMAÇÃO SOCIOCULTURAL

O ano de 2017 se inicia cheio de grandes expetativas e planos, para que seja ainda melhor, e vai ser! Cada vez mais a VR PROJETOS vem provando, que através da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, ao Brasil e alguns que têm uma impressão errada e distorcida do melhor mecanismo de renuncia fiscal, e mais transparente, que é a Lei Rouanet. Afirmamos em dizer que existe o lado bom de se utilizar o Imposto de Renda como forma de transformação social, e os números, bem como as ações pelos projetos culturais em que a VR Projetos representa não nos deixa mentir.

Se não vejamos, no ano de 2016, realizamos e acompanhamos diversos projetos em algumas cidades em 09(nove) Estados do Brasil, beneficiando aproximadamente 306.568 pessoas, entre alunos, professores e comunidade em geral.

Para esse ano de 2017, nosso objetivo é duplicar esse número, promovendo o incentivo à leitura, oportunizando transformação social pelo esporte e pelas escolas de música clássica em comunidades carentes, inclusão sociocultural através da arte do cinema, disseminação de valores de responsabilidade social, transformar o espaço hospitalar e promover a alegria principalmente para os pacientes. Abaixo alguns dos projetos que serão realizados nesse ano que se inicia.

O Projeto Estante de Histórias conta com a doação de 100 livros literários e uma bela estante com diversos adereços que facilitem a contação de histórias dentro da sala de aula. Esse projeto vai ser realizado em Rio Grande, Venâncio Aires, 10 cidades do interior da Bahia, Santa Catarina, Porto Alegre e Paranaguá.

O projeto Sacola Literária promove a leitura através da doação de um acervo com 200 títulos que contemplam todos os públicos, atualizando o acervo de uma biblioteca ou escola municipal. Segundo ano consecutivo que o projeto beneficiará a cidade de Rio Grande, desta vez atingindo todas as escolas públicas.

Doutorzinhos é uma ação social formada por voluntários que dedicam seu tempo para alegrar a vida de pessoas no ambiente hospitalar, que completou 10 anos de realização no ano de 2016. E pelo terceiro ano de realização do projeto através da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, que possibilitou o projeto a melhor capacitar os envolvidos com a ação e ampliar o numero das instituições de saúde na cidade de Porto Alegre, que agora serão 11.

O projeto MudaMundo nasceu para auxiliar o professor a resgatar valores em sala de aula, ajudando a alavancar a transformação social tão necessária em nosso país. Em 2017, os estados de Minas Gerais e Paraná estarão sendo beneficiados a contribuir para a construção de uma cultura de valorização da escola e do professor, da cultura e da leitura.

Ciência Divertida é um projeto cultural, que através do teatro totalmente lúdico, ensina temas importantes através de brincadeiras, pois melhor se aprende brincando. Os “cientistas malucos” vão abordar o tema sustentabilidade em escolas municipais de São Paulo, e na cidade de Crixás/GO onde vão conscientizar as crianças sobre os malefícios das Drogas.

Já o projeto cultural cinema Itinerante irá beneficiar as cidades do interior da Bahia, promover a cultura e levando o cinema à população que não tem acesso.

A Orquestra Maré do Amanhã ensina música clássica para crianças e adolescentes, alunos de escolas públicas, moradores de comunidades carentes no Estado do Rio de Janeiro. Oferece uma oportunidade real de mudança de vida para estas crianças e jovens que vivem em áreas de risco social, os preparando e capacitando para arte e profissão da música. Mais um ano seguido que esse projeto dará continuidade e oportunizará a vida de jovens na comunidade da Maré, Comunidade do Cajú, Comunidade da Penha e em Xerém no Município de Duque de Caxias.

E para finalizar o cronograma de atividades, até o presente momento, o projeto Contando Histórias será realizado em Luiziania/GO, Luis Eduardo Magalhaes/BA e Campo Grande/MT,  esse projeto consiste na apresentações da peça de teatro de bonecos “A Princesa que Contava Histórias” que tem por objetivo chamar a atenção para temáticas relacionadas a leitura e a valorização do livro como elemento lúdico e estimulador da criatividade, e para as transformações necessárias que garantam a sobrevivência do hábito da leitura.

  • ago 19 / 2016
  • 0
vacina-H1N1
Sem categoria

ATRAVÉS DA LEI ROUANET, TEATRO ABORDA OS CUIDADOS COM O H1N1 DENTRO DAS ESCOLAS

Inverno chegou e a preocupação sobre o vírus H1N1 aumenta em grande parte da população brasileira, em especial por parte dos pais porque o numero que crianças atingidas vem aumentando cada vez mais.

Para se aliar ao combate ao surto do vírus, a Ciência Divertida, empresa líder mundial em atividades científicas interativas para crianças entre 04 e 17 anos, desenvolveu a peça “Gripe A, o temido H1N1”. Nessa apresentação é possível conscientizar as crianças sobre os cuidados com a prevenção, hábitos de higiene, como combater a doença.

O objetivo do projeto é conscientizar as crianças sobre o tema, para que elas possam ser agentes da mudança, passando o que aprenderam para a família, amigos e conhecidos. Esse projeto pode ser incentivado através da Lei de incentivo à cultura, Lei Rouanet e informar muitas crianças sobre os cuidados certos quando o assunto é H1N1.

A VR PROJETOS é parceira da Ciência Divertida Brasil para realizar outras peças de teatro infantil para outros temas como: Meio Ambiente, Nutrição, Astronomia, Saúde, Prevenção e todos os aspetos da ciência. Para conhecer os demais  projetos, acesse nosso site e confira outros enfoques que podem ser incentivados em qualquer região do Brasil, via Lei Rouanet de Incentivo à Cultura.

  • mai 17 / 2016
  • 0
Sem categoria

Rio de Janeiro recebe projeto cultural Sacola Literária

A semana iniciou mais literária no Rio de Janeiro, isso porque a cidade de Casimiro de Abreu e os bairros de Santa Cruz e Guaratiba foram contemplados com o projeto cultural Sacola Literária. Esse projeto consiste na doação de 200 livros criteriosamente selecionados para contemplar adultos, jovens e público infantil. Ao total foram 23 instituições beneficiadas com 1 kit de sacola e ainda essa semana será realizada uma oficina com a escritora Marô Barbieri, que apresenta diversas técnicas para desenvolver a literatura em sala de aula.

Esse projeto é incentivado através da Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), sendo realizado pela primeira vez no estado do Rio de Janeiro. Abaixo o cronograma de atividade do projeto Sacola Literária:

18/05 – 10h contação de histórias – Escola Rivadávia Manoel Pinto/ Guaratiba

18/05 – 13h30 Oficina para os professores - Escola Rivadávia Manoel Pinto/ Guaratiba

19/05 – 13h30 Oficina para os professores – Auditório Aline Carvalho da Costa – SEMED/ Casimiro de Abreu

 

20160506_203123_resized   

20160508_183416_resized

20160509_150541

IMG-20160516-WA0021 

IMG-20160516-WA0023

  • mai 12 / 2016
  • 0
Sem categoria

Através da Lei Rouanet, Ferbasa leva cinema Itinerante para o estado da Bahia

Dia 09 de maio o cinema itinerante começou seu itinerário e sua primeira parada foi na cidade de Catu|BA, com o patrocínio da empresa Ferbasa, o cinema Itinerante irá percorrer mais 12 cidades da Bahia, terminando o seu percurso no dia 24 de junho na cidade de Maracás/BA. Esse projeto é incentivado através da Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet) e vem ganhando grande força no estado Baiano, sendo o terceiro ano que o projeto é realizado.

Roteiro do Cinema Itinerante:
• 12/05 – Pojuca – Praça ACM, (mesmo Local Ano Passado)
• 15/05 – Araças – Praça Centro, em frente à secretaria de Cultura
• 18/05 – Entre Rios – AV Luiz Gonzaga, próximo a antiga rodoviária
• 21/05 – Esplanada – Praça Central
• 24/05 – Conde – Praça Principal em Frente a Prefeitura
• 27/05 – Crisópolis – Definindo
• 30/05 – Tucano – Definindo
• 02/06 – Euclides da Cunha – Praça da Bandeira
• 05/06 – Andorinha – Praça de Eventos
• 08/06 – Campo Formoso – Ao Lado do Ginásio Municipal
• 11/06 – Itiúba – Espaço central
• 14/06 – Rafael Jambeiro – Praça Matriz
• 17/06 – Castro Alves – Praça Centro
• 20/06 – Planaltino – Centro da cidade em Frente ao Banco Bradesco
• 23/06 – Maracás – Praça Rui Barbosa

Abaixo algumas fotos e vídeo do projeto na Cidade de Catu:

20160509_142545_resized    20160509_142134_resized

20160509_142016_resized    20160509_141952_resized_1

20160509_140948_resized    20160509_140726_resized

20160509_140231_resized    20160509_140444_resized

 

Vídeo do cinema em Catu/BA:

  • mai 02 / 2016
  • 0
desta
Sem categoria

Lei Rouanet, o que poucos veem!

Dia 29 de abril, na serra gaúcha, mais especificamente em Nova Bassano foi entregue a primeira etapa do projeto cultural de Incentivo à Leitura, Estante de Histórias, patrocinado pela empresa Videolar| Innova. O projeto entregou minibibliotecas em uma belíssima estante de madeira com 100 livros e diversos adereços para contação de histórias. Na entrega oficial do projeto estavam presentes o Prefeito da Cidade, Sr. Darcilo Luiz Pauletto e Secretaria de Educação Sra. Odete Zanon Viccari, bem como todas as diretoras das escolas municipais que foram contempladas pela doação do móvel com os livros.

O projeto chamou muito atenção de todos, pois a miniblioteca é uma linda estante amarela, toda personalizada e com diversos adereços que auxiliam os professores para a arte da contação de histórias. Logo após a entrega oficial, o projeto cultural  realizou 03 contações de histórias e uma oficina sobre técnicas para desenvolver a literatura em sala de aula ministrada pela Escritora Marô Barbieri.

A contação de histórias aconteceu no ginásio municipal em três momentos: primeiro para crianças de 7 a 10 anos (130 alunos no total), no segundo crianças de 4 a 5 anos (146 alunos) e no terceiro, crianças de 5 a 8 anos (100 alunos). Em todos os momentos as gargalhadas, sorrisos e concentração predominaram. As crianças participaram junto da contação e ao se colocaram no papel do personagem conseguiam transmitir muita alegria e prazer com o mundo dos livros, o melhor retorno que se pode ter.

Fomentar a cultura é possível e simples, basta ter a disposição de usar o recurso do Imposto de Renda, seja as empresas ou pessoas físicas. A Lei Rouanet não é só um mecanismo para aumentar a restituição do Imposto de Renda, mas sim, através dela podemos estimular a transformação sociocultural do nosso país.

Para conhecer mais um pouco sobre o projeto cultural Estante de Histórias acesse www.projetoestantedehistorias.com.br

Para conhecer outros projetos transformadores na Lei Rouanet acesse www.vrprojetos.com.br/projetos

Sem título 1

 

Sem título 2

 

Sem título 3

 

Sem título 4

 

Sem título

 

  • mar 22 / 2016
  • 0
Sem categoria

Dia Mundial da Água

Hoje é o dia mundial da água!

Viemos não apenas para lembrar que é importante cuidar a quantidade de água que utilizamos por dia, como também para lembrar que através da Lei Rouanet, muitas empresas podem estar incentivando projetos culturais que abordem esse tema.

Nós temos vários projetos que levam até as escolas municipais o ensino sobre o cuidado com a água e sua prevenção.

Entre no nosso site e conheça nossos projetos culturais!

Sem título

Páginas:1234567...12